O Profeta

O Profeta

Uma das obras mais bem-amadas da literatura universal.
ISBN:9789722537315
Edição/reimpressão:01-2019
Editor:11 X 17
Código:007823000419
Coleção:11X17
ver detalhes do produto
7,00€
-10%
24H
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
COMPRAR
-10%
PORTES
GRÁTIS
EM
STOCK
7,00€
COMPRAR
I10% DE DESCONTO EM CARTÃO
IEm stock - Envio 24H
IPORTES GRÁTIS

SINOPSE

A simplicidade é o último degrau da sabedoria.

Publicado pela primeira vez em 1923, reeditado constantemente desde então e traduzido em todo o mundo, esta é uma das obras mais bem-amadas da literatura universal. A sua linguagem, permeada de uma beleza poética profunda, mas ao mesmo tempo de uma simplicidade encantadora, liberta de qualquer elaboração retórica, tem cativado leitores das mais diversas épocas e culturas. Pela voz do profeta Almustafá, são evocados os mais profundos impulsos e desejos da mente e da alma humanas. Este comovente canto da existência leva-nos numa viagem de descoberta da nossa própria paisagem interior, convidando a uma reflexão autêntica e sentida. Esta edição inclui ainda a obra O Jardim do Profeta, publicada postumamente, que constitui uma celebração da beleza mística da natureza, tendo sido escrita como complemento a O Profeta.
Ver Mais

DETALHES DO PRODUTO

O Profeta
ISBN:9789722537315
Edição/reimpressão:01-2019
Editor:11 X 17
Código:007823000419
Coleção:11X17
Idioma:Português
Dimensões:108 x 167 x 7 mm
Encadernação:Capa mole
Páginas:142
Tipo de Produto:Livro
Classificação Temática: Livros em Português > Desenvolvimento Pessoal e Espiritual > Espiritualidades
Kahlil Gibran (Djubran Kahlil Djubran) nasceu em 1883 em Bcharré, uma aldeia maronita cristã nas montanhas do Norte do Líbano. A sua infância foi de uma pobreza extrema e, em 1895, emigrou para os EUA com a mãe e os irmãos. Vivia com a família nos bairros degradados de Bóston quando o seu talento artístico chamou a atenção do fotógrafo e editor Fred Holland. Através de Holland, Kahlil começou a frequentar os círculos literários e artísticos de Bóston. Regressou ao Líbano para terminar os seus estudos e partiu em 1908 para Paris, onde estudou com Auguste Rodin. Em 1912 mudou-se para Nova Iorque, onde se dedicou à pintura e escreveu para alguns jornais árabes. Desde a publicação das suas primeiras obras, foi considerado uma figura de grande importância na literatura árabe moderna. Com a publicação de O Profeta, em 1923, a sua reputação literária ficou definitivamente estabelecida. Faleceu em 1931.
Ver Mais

Este site utiliza cookies para lhe proporcionar uma melhor experiência de navegação. Ao navegar estará a consentir a sua utilização. Saiba mais sobre a nossa política de privacidade. Tomei conhecimento e não desejo visualizar esta informação novamente.

OK